sábado, 11 de fevereiro de 2012

Infecção Urinária - Terminologia

As palavras que os médicos e a equipe de saúde usam, comuns no nosso dia-a-dia, nem sempre são corriqueiras para as famílias das crianças que apresentam infecção urinária.
Para facilitar o entendimento da doença, os termos mais utilizados nas infecções urinárias serão descritos aqui:

Estéril
Significa ausência de micróbios. O aparelho urinário é estéril até o terço terminal da uretra, consequentemente, espera-se que a urina seja estéril. Mas...

Contaminação
É a urina que contém micróbios na ausência de infecção urinária, isto é: os micróbios, apesar de presentes na urina, podem ter vindo da parte terminal da uretra e não estão causando nenhum dano ao aparelho urinário. Esta situação ocorre, normalmente, quando a coleta da urina para a realização do exame não foi realizada com os cuidados necessários. Mas...

Colonização
A urina pode ter sido colhida corretamente, a criança pode não estar com infecção urinária no momento, no entanto, se ela teve uma infecção recente, tratada com sucesso, ela pode apresentar os micróbios na urina, ainda, e não ter mais a infecção, ou se ela faz Cateterismo Intermitente Limpo, ato de retirar a urina com um cateterzinho porque a criança não consegue urinar espontaneamente, ela também pode ter micróbios na urina sem ter infecção. Isto é: considera-se COLONIZAÇÂO quando a urina tem micróbios, mas eles não estão causando nenhum dano ao trato urinário da criança, ou seja, o aparelho urinário convive normalmente com os micróbios, assim como as nossas bocas estão cheias deles e nem por isso estamos infectadas. Então...

Bacteriúria
É a presença de bactérias na urina. Se estas bactérias estiverem causando danos ao trato urinário, trata-se de uma infecção, se não estiverem, trata-se de uma colonização.

Cicatriz renal
São lesões que podem ser encontradas nos rins das crianças que tem infecção urinária grave. 

Sinais e sintomas
São as manifestações clínicas que as crianças apresentam quando estão com infecção. As principais são: febre alta, dor e perda do apetite. Alteração no cheiro e na cor da urina podem ser sinal de desidratação (falta de ingestão de água mesmo) em crianças colonizadas. Isto é: para ter infecção urinária é necessário ter micróbios na urina e pelo menos um dos sintomas que são relevantes: febre, dor ou perda de apetite.

Atenção!


Urina 1
Exame realizado, no caso de suspeita de infecção urinária, para avaliar se tem micróbios, principalmente.

Urocultura e antibiograma
Caso o exame de urina aponte para a presença de micróbios na urina, este exame é recomendado para identificar o tipo de micróbio e o tipo de antibiótico que matará o micróbio identificado.

Antibioticoterapia
Tratamento clínico com antibiótico, por período pré-definido, para curar a criança que está com infecção urinária.

Antibioticoprofilaxia
Uso de antibiótico por período prolongado com o objetivo de prevenir a infecção urinária.
..

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita! Fique à vontade para comentar, perguntar, criticar ou elogiar. A casa é sua!